Sobre a Revista

Revista Susp

A REVISTA SUSP nasce como um espaço científico novo, em formato impresso e eletrônico com acesso aberto, para publicação de trabalhos originais e inéditos, revisão de literatura, relatos de experiências, notas técnicas, resenhas, críticas científicas e entrevistas relacionados a Segurança Pública. A prática segue as condutas internacionais de publicação, acelerando a comunicação e os resultados de pesquisas na área.

Foco e Escopo:

A Revista Susp  se constitui como um periódico semestral interdisciplinar do Ministério da Justiça e Segurança Pública, que busca disseminar o conhecimento científico, técnico e profissional na área da Segurança Pública, com vistas a contribuir com ampliação e consolidação de boas práticas e compartilhamento de experiências para o desenvolvimento científico, formação e o aperfeiçoamento de profissionais integrantes do SUSP, com publicações de artigos originais, revisão de literatura, relatos de experiências, notas técnicas, resenhas, críticas científicas e entrevistas, publicados em formato impresso e eletrônico.

Processo de Avaliação pelos Pares

Uma preocupação constante da Revista Susp está na qualidade dos textos publicados, assim:

  1. Os originais serão submetidos à aprovação de especialistas reconhecidos nos temas tratados. Os trabalhos serão enviados para avaliação sem a identificação de autoria, (registrada no sistema eletrônico de editoração da revista, o Open Journal Systems- OJS) para garantir o processo de avaliação cega pelos pares.
  2. Autor: Pessoa física responsável pela criação do conteúdo intelectual ou artístico de um documento. Não confundir com colaboradores.
    • Para artigos com autoria múltipla, é necessário informar a ordem de apresentação dos autores e declaração de cada um autorizando a publicação;
    • No máximo cinco autores são admitidos, e que tenham participado efetivamente da elaboração do manuscrito.
  3. Os originais serão publicados no idioma original de submissão, com preferência para trabalhos em portugês, inglês e espanhol. Submissões em outros idiomas podem não ser processadas.
  4. Os trabalhos publicados passam a ser propriedade da Revista Susp.
  5. Não serão cobradas taxas de submissão, revisão ou publicação de artigos.
  6. As opiniões emitidas nos artigos são de responsabilidade exclusiva de seus autores.
  7. A revista classificará as submissões avaliadas de acordo com as seguintes seções:
  • Artigo original: engloba textos os quais contenham relatos completos originais e inéditos de estudos ou pesquisas concluídas;
  • Ensaio: reflexão sobre determinado tema, sem esgotá-lo, não é investigativo e traz a opinião do autor;
  • Tradução: texto que abrange a interpretação do significado de um texto, escrito em língua diferente ao português, e que tenha relevância para a área de segurança pública;
  • Relato de experiência: comunicações originais sobre experiências profissionais e de pesquisa em segurança pública;
  • Revisão de literatura: texto com toda a informação existente sobre uma publicação de maneira imparcial e completa. A revisão deve ser feita de maneira formal e meticulosa. O texto deve se apresentar de forma crítica e não apenas descritiva, sob o ponto de vista do autor, o estado da arte de uma das áreas ou subáreas específicas. É imprescindível que, na referida área, o(a) autor(a) seja especialista comprovadamente qualificado e experiente;
  • Resenha: análise uma obra distinta uma composição informativa e sem opiniões. Podendo ser um texto, filme, música e quaisquer outras formas que tenham como assunto a segurança pública;
  • Nota técnica: texto elaborado por técnicos especializados em determinado assunto e contém análise completa de todo o contexto, devendo conter histórico e fundamento legal, baseados em informações relevantes;
  •  Crítica científica: análise crítica de texto científico na área de segurança pública;
  •  Entrevista: entrevistas realizadas com personalidades de destaque nacional e internacional em segurança pública.
  1. As diretrizes para revisores são fornecidas automaticamente pelo sistema operacional de publicação quando o revisor convidado mostrar-se disponível para a revisão. Elas incluem tópicos como confidencialidade, conflitos de interesses e orientação sobre os aspectos práticos da revisão.
  2. O original revisado recebido dos autores é então revisado pelo editor ou pelos mesmos pareceristas, para assegurar que os requisitos foram atendidos. Desde a submissão até a decisão editorial, todo o processo pode ser rastreado eletronicamente pelo autor, consultando o site por meio do nome de usuário e senha que serão fornecidos ao se registrar.
  3. A decisão editorial final leva em consideração os seguintes critérios: cumprimento das regras da revista, originalidade, relevância e contribuição científica para o tema. Essa decisão é independente de interesse comercial ou de qualquer outro interesse concorrente. A decisão editorial final e as razões para a mesma são sempre comunicadas aos autores.

Periodicidade

Publicação contínua semestral.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Arquivamento

A revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

Identificação de plágio

A Revista Susp, prezando pela pela ética editorial das publicações, utiliza o software antiplágio iThenticate. E ainda, no momento da avaliação duplamente cega, qualquer semelhança substancial entre o manuscrito em questão e textos já publicados ou simultaneamente submetidos a outros periódicos, assim como outras informações consideradas pertinentes serão criteriosamente analizados.

 Responsabilidade Acadêmica e Científica

O conteúdo dos artigos publicados na Revista Susp, inclusive quanto à sua veracidade, exatidão e atualização das informações e dos métodos de pesquisa, é de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). As opiniões e conclusões expressas não representam posições do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Política de Ética

O Corpo Editorial examinará cada texto visando prevenir e evitar ofensas à ética em pesquisas e às boas práticas editoriais científicas adotadas pela Revista. Se for o caso, exigirá, de autores, revisores e editores, a documentação adequada e os esclarecimentos que considerar necessários, sob pena de não aceitação da contribuição proposta. 

A Revista Susp segue as recomendações da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) e praticada pela comunidade científica brasileira. Não serão aceitos para publicação e são passíveis de questionamento jurídico, caso se comprove má-fé no uso indevido de direitos autorais alheios, a existência de plágio em propostas de autores ou conflito de interesses entre avaliadores e autores. A aceitação de cada texto e de cada avaliação submetida está condicionada a essas exigências.

Diretrizes para Conflitos de Interesse

Conflitos de interesses podem surgir quando autores, revisores ou editores possuem interesses que, aparentemente ou não, podem influenciar a elaboração ou avaliação dos textos. Os conflitos de interesses podem ser de ordem pessoal, financeira, intelectual, profissional, política ou de natureza religiosa.

Visando manter a imparcialidade do processo editorial, os autores devem comunicar à Revista Susp caso exista alguma relação entre os mesmos e qualquer entidade pública ou privada que possa gerar algum conflito de interesse. Devem ainda informar toda forma de apoio financeiro ou conexões de outras naturezas que possam ter influenciado o desenvolvimento da pesquisa e do manuscrito aqui apresentado.

Se os autores não estiverem certos do que pode constituir um potencial problema ético, especialmente quanto a conflitos de interesses, devem contatar a Revista Susp para esclarecimentos. Não o fazendo, assumem integral responsabilidade por possível contencioso jurídico, caso se verifique.